ANJOS , ARCANJOS E DEVAS


ANJOS , ARCANJOS E DEVAS


ANJOS E ARCANJOS
Os Anjos são criaturas puramente espirituais dotados de inteligência e de vontade; às vezes aparecem na forma de homem, mulher, criança e geralmente são alados e imortais. Superam em perfeição todas as criaturas visíveis. Os anjos são uma extensão de Deus. Anjos e homens seguem caminhos paralelos de evolução. Enquanto que os homens evoluem para a Luz, os Anjos evoluem na 
Luz. 


O crescimento e a evolução dos Anjos estão ligados a sua capacidade de atrair para si uma das virtudes divinas para posteriormente irradiá-la sob a forma de bênçãos. Sua missão é atuar dentro da Luz do Amor e sua evolução é medida pelo poder e pelo brilho de sua Luz.

Às veses aparecem na forma de homem, mulher, criança e geralmente são alados e imortais. Superam em perfeição todas as criaturas visíveis. Os anjos são uma extensão de Deus; Ele os criou para serem um elo especial entre nós e Ele, para nos assistir.

Eles ministram as necessidades da humanidade, magnetizando a luz para as auras dos homens, intensificando sentimentos de esperança, fé e caridade, honra, integridade, coragem, verdade, liberdade, misericórdia, justiça e todos os aspectos da mente de Deus. São mensageiros para consolar, proteger, guiar, fortalecer, ensinar, aconselhar, alertar.

As hostes angélicas abrangem um tipo de evolução diferente da humanidade, com a sua individualidade chamejante e a pureza de sua devoção à divindade e aos arcanjos sob cujo comando servem. A sua função é concentrar, acelerar e ampliar os atributos de Deus em prol da Sua criação. Existem anjos da cura, de proteção, do amor, consolo e compaixão, anjos que acompanham o nascimento e a morte, anjos do olho Onividente de Deus.
Existem tipos e ordens de anjos que realizam serviços específicos na hierarquia cósmica, tal como os serafins, os querubins e anjos, que atuam às vezes com os espíritos da natureza e os elementais da terra, água, fogo e ar. Os anjos existem desde o começo dos tempos e são citados em várias culturas:- Judaísmo, de onde se originou os nomes dos 72 Anjos Cabalísticos;
- no Cristianismo, conforme 147 citações do Antigo Testamento e mais 152 citações do Novo testamento;
- no Hinduismo são chamados de Devas. Seu nome deriva da raiz sânscrita, que significa "brilhar", são os "seres brilhantes" ou "autoluminosos", descritos nas escrituras Védicas;
- no Islamismo, onde exista uma categorização hierárquica: Em primeiro lugar estão os quatro Tronos de Deus, com formas de leão, touro, águia e homem.

Em seqüência, vêm o querubim, e logo os quatro arcanjos:

.Jibril ou Jabra'il, o revelador, intermediário entre Deus e os profetas e constante auxiliador de Maomé;

.Mikal ou Mika'il, o provedor, citado apenas uma vez no Corão (2:98) e quem, segundo a tradição, ficou tão horrorizado com a visão do inferno quando este foi criado que jamais pôde falar de novo;

.Izrail, o anjo da morte, uma criatura espantosa de dimensões cósmicas, quatro mil asas e um corpo formado de tantos olhos e línguas quantas são as pessoas da Terra, que se posta com um pé no sétimo céu e outro no limite entre o paraíso e o inferno; e

.Israfil, o anjo do julgamento, aquele que tocará a trombeta no Juízo Final; tem um corpo cheio de pelos e feitos de inumeráveis línguas e bocas, quatro asas e uma estatura que vai desde o trono de Deus até o sétimo céu .

Por fim, os demais anjos.

Como uma classe à parte estão os djins, ou gênios, que possuem muitas características humanas, como a capacidade de se alimentar, propagar a espécie, e morrer, e cujo caráter é ambíguo.
- no Budismo; - no Zoroastrismo; e em quase todas as outras religiões.

OS TRÊS ARCANJOS MIGUEL, RAFAEL E GABRIEL: 

Esses três arcanjos representam a alta hierarquia dos "Anjos-Chefes", o seleto grupo dos sete espíritos puros que atendem ao trono de Deus e são seus mensageiros dos decretos divinos aqui na Terra. Juntos, Miguel, Rafael e Gabriel simbolizam a fidelidade, o poder e a glória dos anjos.


HIERARQUIA ANGELICAL




SERAFINS - príncipe Metatron (Metatron significa Rei dos Anjos em hebraico) - São descritos com seis asas e envolto por chamas de fogo, têm poderes de purificação e iluminação, difundem o princípio da vida universal e manifestam a glória de Deus. São os anjos cuja categoria mais se aproxima de Deus.


QUERUBINS - príncipe Raziel - (Raziel é o o principe da originalidade e dos mistérios. Segundo a tradição judaica, Adão teve problemas de saúde; Raziel entregou um livro contendo todos os ensinamentos sobre as ervas que poderiam salvar a humanidade. Por este motivo, as grandes descobertas da medicina foram atribuídas a Raziel) - Os Querubins Trazem penas de pavão cheias de olhos, simbolizando a onisciência divina. Eles zelam pela ordenação do caos universal, pela sabedoria, e nos ofertam o conhecimento e as idéias. Os Querubins também ensinam que rir é o melhor remédio.


TRONOS - príncipe Tzaphkiel (a morada de Tzaphkiel chama-se harmonia; sentimos sua presença quando ouvimos música ou experimentamos sentimentos de serenidade) - Identificados por uma roda de fogo, cuidam do trono de Deus e apresentam o sentido de união ao homem. Proclamam a grandeza divina e inspiram os homens à arte, à poesia e à música. Tem como função promover a paz e a união entre os homens. Zelam pelo Trono de Deus.


DOMINAÇÕES - príncipe Tsadkiel (Tsadkiel cumpre a vontade de Deus através de seu pder e influência sobre a humanidade) - Almejam a verdadeira soberania e têm no cetro e na espada seus símbolos do poder divino sobre a criação. Afloram no homem a força para subjugar o inimigo interior. Auxiliam as questões ou conflitos que necessitam de solução imediata. despertam no homem a força para dominar a si mesmo. São os Governadores do Universo.


POTÊNCIAS - príncipe Camael - São representados com espadas flamejantes. Responsabilizam-se pela ordem e protegem a humanidade dos inimigos exteriores. Zelam pelos elementos água, terra, fogo e ar. Favorecem a perpetuação de todas as espécies que existem na Natureza. Conferem proteção contra o desequelíbrio do meio-ambiente. Sua energia é mais intensa próxima à floresta, aos rios e aos lagos.


VIRTUDES - príncipe Haniel (Haniel é conhecido como Chefe dos Cupidos; ele promove o encontro entre as almas gêmeas)- prodígios e os milagres da cura. Expressam a vontade de Deus e zelam pelo reino mineral, oferecendo discernimento ao homem. Eles transmitem aquilo que deve ser feito pelos outros Anjos, mas sobretudo, auxiliam no sentido de que as coisas sejam realizadas de modo perfeito. Assim, eles também têm a missão de remover os obstáculos que querem interferir no perfeito cumprimento das ordens do CRIADOR. São considerados Anjos fortes e viris. Quem sofre de fraquezas físicas ou espirituais, deve invocar por meio de orações.


PRINCIPADOS - príncipe Raphael (Raphael é um dos sete Anjos que estão sempre presentes e tem acesso junto à Glória do SENHOR) - Responsáveis pelos reinos, estados e países, preservam também a fauna e a flora, os cristais e as riquezas da terra. Portam cetros e cruzes e vigiam as lideranças, pois atribuem ao homem a submissão. No livro de Daniel são também apresentados como protetores de povos: (Dn 10,13). Significa dizer, que são aqueles Anjos que levam as instruções e os avisos Divinos, ao conhecimento dos povos que lhe são confiados.


ARCANJOS - príncipe Mikael (Seu nome é invocado para dar força, energia, coragem e proteçãoe também ajudar nos assuntos financeiros. E quando o invocamos, ele nos defende, com o grande poder que Deus lhe concedeu, e nos protege contra os perigos, as forças do mal e os inimigos) - Responsáveis pelas transmissões de mensagens importantes e pela defesa dos países, pais ou da família. Também conhecidos como espíritos planetários lideram os anjos e são responsáveis pelo reino animal. Proporcionam dinamismo e vitória.


ANJOS - príncipe Gabriel (Gabriel e seus anjos são os mensageiros das boas notícias, nos ajudam a dar bom rumo e direção à nossa vida, nos dão compreensão e sabedoria) - São seres de luz que zelam pela gênese do homem e seu desenvolvimento espiritual, sem ocuparem postos ou desempenharem atribuições especiais nas fileiras do exército celestial. Cuidam da segurança e intui a pessoa que estão sob sua guarda desde quado elas nascem.